Os comentários do Público (o que por si nunca corre bem!) são comédia!

24.12.15
Infelizmente é a realidade do nosso país. Viva os cuidados de saúde acessíveis a todos os cidadãos!

Este post vai assim porque dei ali uma vista de olhos nos comentários do Público sobre o do rapaz que, infelizmente, faleceu no hospital por não haver médicos/enfermeiros escalados ao fim de semana para aquele serviço.

Primeiro que tudo, lamento imenso a morte do rapaz, acho triste  e inacreditável como podemos dizermos-nos "zona euro" e o nosso serviço nacional de saúde estar como está! Esse ponto está fixo!

Segundo:

Admira-me porque que as pessoas acham que um médico tem de estar de serviço 24/7 por pena duma vida, independentemente do que lhe pagam e das horas que já trabalhou?

Sim, aquelas mesmas pessoas que:


  • Não é por verem um sem abrigo na rua que vão doar todo o stock que tem em casa. Por vezes nem nos olhos lhe olham...
  • Ficaram lixadas por lhes tirarem os feriados.
  • Que ficam furibundas porque algum cliente entre nas suas lojas a um minuto de fechar.
  • Que vão para o café dizer mal da politica mas que não votam. 
  • Que ficam lixados com a quantidade de impostos que pagam.
Aquelas que acham que tem todo o direito do mundo a reclamar, que acham que um enfermeiro/médicos não tem vida, não tem filhos para sustentar e não tem o direito à greve o a ultimatos. Lia-se por lá qualquer coisa do estilo: 
  • Como é possível que não suplicassem aos colegas para virem acudir ao rapaz, ignorando as horas extraordinárias que supostamente nem cobrem custos de transporte? 
  • Deviam era pedir uma indemnização daquelas ao estado... 
Incomodou-me! Porque se dissessem isso a outro tipo de trabalhadores era apenas comédia das comédias. Isto é aceitar o abuso de quem governa e apoia-lo!

Não queremos médicos a trabalhar mais horas e loucos a acudir a todos, porque isso só resulta em erros médicos... queremos é mais médicos! Nossos! Com a formação portuguesa e não a chilena ou argentina ou o que raio que a parta. Não porque sejam maus profissionais mas porque há gente portuguesa com formação excelente na rua e forçada a emigrar porque dizem que temos médicos a mais!  INADMISSÍVEL!!  A pagar decentemente, enfermeiros incluídos! Porque aquela gente tem a nossa vida nas mãos... merecem-no! Não vamos culpar má vontade de quem quer uma vida melhor. Mas sim mau governo de quem manda nisto.
Há que denunciar estas situações para que o ministério da saúde seja forçado a ter as equipas necessárias. Isso sim é o foco!

Acho hilariante e a ilusão das pessoas que existe dinheiro do estado. Meus amigos eu vou-vos dar uma novidade daquelas... mas mesmo, mesmo daquelas... Estão sentados? Shiuuuuu... não digam a ninguém mas...

Não existe dinheiro do Estado... o que existe é o NOSSO dinheiro! Nós somos o Estado!

É dinheiro que nós vão buscar ao bolso, que é roubado das nossas casas, das nossas familias e do nosso trabalhos! Mas enquanto virem o estado como uma mama e não o NOSSO dinheiro não se sai deste buraco. Deixem-nos gastar ao desbarato, deixem que amanhã o pão e o leite aumenta... mas não importa que assim já se pode ir para o café dizer mal! 

You Might Also Like

0 comentários