Isto são 18 anos?

10.8.15

Faz-me um pouco, muito mesmo, de confusão estas novas miúdas. Que nascem já a quererem ser mulheres. A Kylie fez hoje 18 anos... assustador. Como prenda de anos do namorado recebeu um Ferrari 482 Italia branco, no valor de 320 mil dólares (cerca de 290 mil euros). Casa própria, carros topo de gama, várias cirurgias estéticas, um culto demasiado virado para o corpo... Como se ensina limites a esta gente? Onde tudo é fácil e de mão beijada. Onde não há o mínimo esforço por nada... Nada é suficientemente bom. A fama vem de onde? Ah espera... viu-se as partes intimas da Kim... excelente motivo, diga-se de passagem.  

Atenção! Eu sou a favor de que se tem dinheiro ele foi feito para se gastar. Seja no que for mas... aos 18 anos?! Não deviam estar a pensar em algo mais importante para o futuro dela? E é isto que as miúdas de hoje ambicionam... serem um corpo, acéfalo sem qualquer objectivo para as suas vidas para alem de serem bonitas e terem seguidores no instagram. É esta a educação que queremos dar às nova geração? Voltar atrás no tempo? Ignorar os direitos que nos foram concedidos pela luta de tantas mulheres? Queremos voltar apenas a ser única e exclusivamente para a satisfação do homem e com o objectivo de ser bonitas... meros objectos sem poder de decisão sem capacidade de raciocino? Não é isso que estamos a criar com as meninas-mulheres que 12/13/14 anos que andam por essa rua fora? 

Digam-me... não é isso que entramos quando saímos à noite? Não mete dó aqueles bares carregados de crianças que deviam estar a dormir em vez de ter um copo na mão? Que raio de pais são estes?!  Que lhes mostram um mundo em que tudo é simples, não há frustrações, não há trabalho, não há sacrifício, não há o querer lutar por algo melhor porque elas são especiais... e que com o corpo que tem tudo acontece.

Nada contra a admirar celebridades ou o que quer que seja que agora está na moda mas que o façam com melhor gosto. Com alguém que representa melhor o que é ser uma mulher de sucesso que vive mais do que da sua beleza. Pego numa Amal Clooney, Anna Hathaway, Emma Watson, Diane von Furstenberg... e a lista podia ser o longa que eu quisesse. Estas sim são senhoras com S grande. 

You Might Also Like

17 comentários

  1. Eu até fiquei parva quando li que ela fazia 18 anos, ela é mais nova do que eu e parece muito mais velha, what? O namorado dá-lhe o carro e será que ela já tem a carta, é que parece-me que aquilo é tudo oco por dentro, mas espera, o dinheiro comprou a carta e ninguém quer saber se ela minutos depois espeta o ferrari numa esquina, há dinheiro para comprar outro! Se não morrer, as cirurgias estéticas resolvem, que futilidade se vê nos dias de hoje :o Fico chocada!
    Beijinhos*

    ResponderEliminar
  2. É ridículo todo este cenário. Concordo contigo!

    ResponderEliminar
  3. Gentinha que não fez nada para estar onde está. Nada de proveitoso. Enfim.

    ResponderEliminar
  4. Tens toda a razão! Concordo contigo, principalmente, na parte em que referes que as mulheres tanto lutaram pelos seus direitos e actualmente, esta gente apenas demonstra ser umas ocas de primeira, que servem exclusivamente para agradar os maridos, com a beleza (porque duvido, sinceramente, que haja alguma coisa para lá disso). É triste, muito triste, mas enfim são estes os "famosos" que andam por aí.

    ResponderEliminar
  5. Não fazia ideia que a Kylie só tinha 18 anos, estou chocada! Eu sou mais velha do que ela e pareço muito mais nova ahaha
    Também acho um abuso mas é como tu dizes, essa educação tem de partir dos pais e circulo de amigos também. Na altura do meu secundário o que era de valor era tirar boas notas, ir para um bom curso... não era ter um corpo x ou y, não era ficar bebedo todos os fins de semana. Aliás eu no meu secundário raramente saía à noite em tempo de aulas. Mas isso era os valores que me ensinaram. Tudo parte de casa.

    ResponderEliminar
  6. A questão do que tem/recebe ou deixa de ter/receber não me faz confusão. Se pode ter um Ferrari, que tenha... Isso não me incomoda nada. A única coisa que me parece errada é o estilo de vida, os castigos inexistentes, o crescer demasiado rápido e os erros que ninguém corrige. Até aos 18 anos ainda não nos conhecemos suficientemente bem e é imprescindível ter alguém que nos coloque limites e nos ensine a distinguir o certo do errado, a ter valores...
    Eu confesso que achava que ela era mais velha... mais velha do que eu, pelo menos!

    ResponderEliminar
  7. Uma palavra para descrever isto tudo: Enfim.

    ResponderEliminar
  8. Assino por baixo. (Pensava que ela já tinha pensado os 18 anos à muito tempo... tem cara de ser bastante mais velha).

    ResponderEliminar
  9. Apesar de eu fazer parte desta geração porque só tenho 17 anos não me incluo em nenhum campo do género. Às vezes, quase sempre, sinto que não faço parte deste grande grupo, sou uma "excluída", mas ainda bem que o sou porque tenho noção da podridão que anda por este mundo fora. Felizmente tenho muitos amigos que pensam da mesma forma que eu e não ligam apenas a futilidades. Sinceramente, cada vez me apercebo mais de que de facto parte muito da educação que recebemos... De facto, revolta-me, em parte, que haja sequer jovens que coloquem um rótulo tão mau à nossa geração simplesmente porque a massa cinzenta está muito menos desenvolvida do que qualquer outro músculo do seu corpo.
    Blog: As Confissões da Andreia

    ResponderEliminar
  10. Duas coisas: dinheiro e fama. Imagino daqui por mais uns anos...

    Beijinhos primaveris :)

    Menina Primavera

    http://meninaprimavera2015.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  11. r: Para muitas miúdas as Kardashian são um exemplo a seguir, como muitas pitas aqui têm como objetivo de vida entrar na Casa dos Segredos, lá devem querer ser como elas e quem sabe também terem o seu próprio Reality Show :o
    Beijinhos* GIVEAWAY A DECORRER

    ResponderEliminar
  12. Os pais agora acham mais fácil dar prendas às crianças e colocá-las entretidas do que educá-las..
    E onde arranjo um namorados desses? estou a precisar de um carro novo e de uma renovação do guarda roupa e uma biblioteca nova..
    R: Se eu respondesse na mesma moeda diria "olá e eu sou aquela que anda a comer o trombudo".. Mas giro eu antes de responder ainda olhei em volta em pânico sem saber o que dizer

    ResponderEliminar
  13. Com isto da globalização que dá acesso facilitado a tudo, os mais novos claro que precisam de guia. O culpado (e como disseste) são os pais. Os jovens fazem o papel deles, quem tem que os educar e guiar são os pais, que estão a falhar, como é obvio.
    No caso da Kylie, gente que tem dinheiro... No EUA aquilo é doido, só por causa da fama. Vê-se pelos programas da treta que têm.

    ResponderEliminar
  14. Olá,

    Tal como pediste, venho dar-te o novo link do meu blogue. Ele só irá estar activo a partir do dia 23 de Agosto mas já ficas aqui com ele :)

    http://vivreavecpassionblog.blogspot.com/
    O novo e-mail é: vivreavecpassionblog@outlook.pt

    Beijinho*

    ResponderEliminar
  15. As Kardashians podem até ser muito boas pessoas mas não são exemplos a seguir para jovens que vêem as celebridades como exemplos. Infelizmente, são as que mais atenção recebem de momento.

    ResponderEliminar
  16. é complicado, não deve ser fácil na cabeça delas sair do mundo em que aprenderam a viver, toda a futilidade e dinheiro para elas é o normal.

    ResponderEliminar