Eles dizem mal mas nem sempre é verdade.

24.9.14



Que há praxe violenta? Há! São todas assim? Não!! Só tenho coisas boas a dizer da comissão de praxe da minha faculdade. Nunca me trataram mal quando fui à praxe e muito menos quando resolvi sair. Quando fazem asneira há que dizer mas quando fazem algo bom tambem é preciso vir lembrar. Um dos novos trajados é um rapaz com deficiência motora e anda lá como os outros sem olhares de ninguém nem tratamentos diferentes. Foi um caloiro e é um trajado sem distinção dos outros. Coisas que noutras faculdades não se vê, algumas outras que bem conheço. Tomara que a nossa sociedade fosse assim e era-mos todos muito mais felizes. Toda a gente integrada, respeitada e dar o que de melhor tem de si aos outros. 

You Might Also Like

7 comentários

  1. Na minha faculdade tb houve um caso desses e felizmente tb se comportaram muito bem. Eu tb não tenho razão de queixa quanto à violência de um modo geral.

    ResponderEliminar
  2. Na minha não havia praxas violentas.. Respeitávamos sempre as crenças e educação dos caloiros (tivemos uns a dizer que não diziam asneiras e bem, as musicas têm sempre algumas ou gritos contra outros cursos), e sempre que algum caloiro não poderia ser praxado era sempre respeitado e nada posto de lado

    ResponderEliminar
  3. no meu ano também temos uma rapariga que anda de cadeira de rodas e foi a várias praxes e hoje em dia também vai lá praxar :)

    ResponderEliminar
  4. Os casos de pessoas que não gostaram de ser praxados são raros, mais do que parece... A maioria das pessoas gosta da praxe e, se isso acontece, por alguma coisa é!

    ResponderEliminar