Haja produtividade...


Nos últimos dias, diga-se ontem... e ante ontem porque andei a post agendados não pus os pés, como queria, aqui no blog. Não levem a mal porque tenho uma cadeira por passar e preciso mesmo de me dedicar a ela e a outra que estou a querer subir o 12  para algo mais agradável à vista. Incrivelmente hoje está a ser um dia bastante produtivo. Mas não é por não escrever aqui ou vos comentar que não vos leio. E ai graças ao bloglovin tenho os vossos posts todos controlados, o que li e o que não li... e antes de me deitar vou alegrar a vista. Claro que me apetece de x em x tempo matar-vos por porem post a dizer que estão de férias mas nada que não se controle.

Para a semana, é altura de meter tudo em dia e com novidades espero eu!!

Daniel...




E toda está historia da criança madeirense que desapareceu já começa a irritar. 
Não sei se vê noticiários, jornais portanto vou resumir. Uma criança madeirense foi dada como desaparecida e como tal fez-te mil e uma buscas, percorreram a historia de vida dos pais que era paupérrimos e viviam num casebre, lá veio a historia dos coitadinhos por revistas jornais, abre-se contas, toda a gente a dar dinheiro, aparece a criança milagrosamente e descobre-se que foi a mãe que a levou para fingir que tinha sido raptada e para mais tarde a vender. Pois é vender... A mãe já veio com vinte mil histórias... já entrou e saiu da prisão mas ficar lá de vez que é bom nem por isso. Os serviços sociais que as vezes mal a criança respira já o estão a tirar aos pais e neste caso em que a mãe o queria vender estão quietinhos? Porque há normalidade em se vender os filhos... 
Isto tira-me do sério, isto não é um sistema judicial a funcionar e quase de certeza, que como sempre, a senhora vai sair em liberdade. Isto é triste, muito triste mesmo... E a senhora está alegadamente gravida de novo. 

Gunfight


Ando a contar esta musica a ver se a motivação chega. Ando mesmo super cansada e acabo por nem ter nada que vos dizer porque apenas vou escrever coisas deprimentes. 

E para ajudar à festa tenho o namorado em Lisboa mas não vamos ter tempo para estar juntos porque ele está a trabalhar e no resto do tempo tem de ir passear a minha mini cunhada mais a família que está cá em Lisboa de visita. Vamos lá ver se conseguimos um dia ou outro para nós antes do mês inteiro que ele vai ficar longe.

Anonimagem...




As vezes ando a passear por certos blogs e vejo comentários do tipo "Só cá venho para ver a feira que os anónimos fazem no teu blog".

Acabo sempre a pensar, porque raio respondem a comentários de anónimos maldoso e mal criados... Normal nem todos gostarem do que fazemos mas dai a insultos gratuitos é um longo passo. Acho incorrecto quando com tanto comentário positivo são aos comentários negativos que muita gente responde. Dar credito a quem não merece. Acho que é abrir a porta para fazerem o que querem de nós.

No meio de tanta gente incorrecta também há anónimos maravilhosos e desses quase ninguém fala. Eu felizmente (neste blog) apenas me cruzei com pessoas que quer concordando ou não comigo sempre me deram a sua opinião o mais correcta e educadamente possível.

O meu armário precisa de ti | Os fura carteiras

Aqui fica uma listinha de sapatinhos que se eu fosse rica ficam um arraso no meu armário.

SAINT LAURENT  795€


Jimmy Choo 120MM COLLAR GLITTER CAGE SANDALS  750€



Sequin-Embellished T-Strap Sandals GIUSEPPE ZANOTTI 1317,69€



Christian Louboutin Pigalle 458,8 €

Christian Louboutin
Palais Royal Platform Pump 693,71€


Não sei se deu para perceber mas eu sou uma apaixonada por sapatos de salto alto e especialmente os clássicos. O meu estilo pessoal é extremamente clássico e sóbrio. Não sou uma pessoa de grandes padrões nem espampanante. Não tenho muitos porque acho que não tenho dinheiro para escolher sapatos de salto com a qualidade necessária. Os saltos precisam de cumprir requisitos mínimos para não fazerem aquele mal a coluna e não aleijarem os pés. E os das marcas de roupa são um crime para a nossa coluna, o salto é torto, não centrado, não está colocado no sitio certo, más costuras e podia continuar... Recuso-me a isso. Preciso de estar confortável. Até lá espero até a carteira engrossar quem sabe um dia não consiga comprar um destes. Especialmente ali os pigalle ou os palais*.*

20 seguidores mais leve...




O instagram é uma rede social que não esperei vir a gostar por ser baseada em fotos do nosso dia-a-dia e dai só o manter para vocês e não ter próprio. Era abrir as portas de minha casa a toda a gente que me conhece ao longo e viram x e y e acham que podem deduzir w... convosco é diferente porque não sabem nada sobre mim logo não pode digamos julga-lo, nem eu me exponho muito.

Se há coisa que gosto nesta rede é o facto de me limpar os seguidores... pois é... sabem aqueles seguidores que parecem anúncios? Pois... nem sei o que raio isso é mas assim que eles aparecem o instagram limpa-os no outro dia acordem 20 seguidores mais leve. Fiquei totalmente espanta porque não entendi o que se tinha passado porque não é algo normal... que um me deteste. Epah é a vida, agora 20? ou eu sou um desastre ou algo se tinha passado. Mas como o insta é fofo mandou-me mensagem no outro dia a contar o que tinha feito. Uma maravilha, porque quem precisa de seguidores fantasmas?

Demasiado longe



Não gosto nada desta altura do ano porque ele anda cá e lá nunca dá para aproveitar como deve de ser o tempo a dois e depois passa o verão longe de mim. Enquanto ele lida bem com as saudades para mim é mais complicado. Porque não arranjei um rapaz da mesma terra que eu?
Só quero que Agosto venha para a minha semaninha com ele vir bem depressa.

Problema resolvido


E mesmo com o problema do blogger resolvido parece-me que vou continuar a usar o bloglovin'.
Isto é tudo muito bonito mas sinceramente os serviços que o blogger oferece estão cada vez piores. Se não fosse tão caro e tão chato eu livrava-me do blogger e criava o um domínio meu.

Lingerie...



Follow on Bloglovin

Sou uma apaixonada por lingerie e sempre que posso compro. Não por ele porque acho que simplesmente ele não liga a essas coisas. Sempre que lhe pergunto alguma coisa ele acaba sempre por dizer que a lingerie é um desperdício que se as mulheres querem ir sexies para  ao pé dum homem que vão nuas... e que só o tempo de descodificar como tirar o sutien tira logo o timing à coisa. Uma tristeza eu sei...

Mas sou bastante esquisita não podem ser todos os formatos e detesto soutiens brancos ou cor de pele. Gosto deles com cores e com rendas, bem trabalhados e bem bonitos.
E assim, com pouco sou feliz!!

Mas ao contraio da maioria das meninas não gosto desta moda do super push up acredito que aquilo que somos é aquilo que temos de mostrar... parecer muito e não ter nada é triste. Acho que tudo aquilo que é para melhorar é bem vindo agora muda já não. Uso um push up (será que aquilo é push up?) lateral que não me aumenta o tamanho apenas me junta as mamas e as fazem mais redondinhas mas mais que isso já acho demasiado falto. Se tenho as mamas pequenas? tenho! se as queria maiores? sim! se os novos sutiens me fazem parecer com um grande par de mamas? sim! Mas não me sinto confortável sinto-me espremida e extremamente falsa.

Blogger e Faculdade



E parece que o blogger ainda não está a colaborar connosco! Deixo aqui o link para o meu bloglovin caso queiram... Toca a seguir e a procurarem os resto das pessoas que é o que eu também ando a fazer ;P

Follow on Bloglovin

Outra coisinha estou tão contente!! Finalmente uma das notas veio decentes e permitiu-me acabar a cadeira com uma nota de gente, fico mesmo contente!!

Eu era uma pessoa com vida social




Eu até há bem pouco tempo era uma pessoa normal com um vida social minimamente activa. Tinha os meus amigos e falava e saia com eles. Desde o segundo ano da faculdade que esse luxo foi-se não tenho tempo para nada quanto mais para sair e me divertir. Ai ai triste vida universitária. Espero ansiosamente pelas férias a ver se recupero este bem tão precioso e necessário à minha sanidade mental.

A nossa Selecção




E porque depois do jogo de ontem não podia faltar este post! E porque já que entra no tema vou pegar neste post da Blackbird e terminar o post com uma mini opinião!

Eu acho, primeiro que tudo, que o Paulo Bento fez má escolhas. Há imensa gente que foi convocada que não estava preparada e estava a recuperar de lesões. Até quem convocou não dava a garantia de todos os lugares cobertos, como o caso do Coentrão que era o único para a posição dele.

Os jogadores não estavam no seu melhor e faltou empenho deles. Notava-se no tipo de jogo que não eram a selecção que sempre nos habituou. No primeiro jogo tivemos um mau arbitro o que lixou a coisa um bocadinho para o nosso lado logo desde o inicio o que nos amplificou o resultado vergonhoso e o pepe fez asneira porque fazia falta neste jogo. A defesa está mais fraca que o habitual. E neste o arbitro tinha alergia aos cartões e deixou os EUA sem nada quando andavam ali a pensar que era football americano e começou tudo as placagens. Já para não falar que tivemos um azar descomunal e a cada 10 mim alguém se lesionava. Foram talvez uns 5 desde que o mundial começou.

E meus amigos aquele ultimo golo foi priceless... toda a gente sabe que estamos só com a pontinha dos dedos no mundial, o resto já está todo fora mas mesmo assim vibramos com o ultimo golo como se tivéssemos passado.

Mas posto isto: A selecção este ano estava fraquinha mas não podemos ser gigantes todos os anos portanto para a próxima meninos estejam no vosso melhor.

Eu não sou uma grande conhecedora ou adepta de football só ligo a isto quando são jogos decisivos ou quando é a selecção. Acho que os portugueses são muito fechados quando aos outros desportos mas culpo essencialmente a televisão. Para mim, os canais generalistas dão demasiado destaque ao campeonato português de football quando essas mesmas equipas e não são tem brilhantes atletas noutras modalidades. Nós não somos apresentados aos outros desportos nem a quem nos representa lá fora e isso é uma grande falhar dos meios de comunicação.  Há imensa gente nas mais diversas modalidade a fazer milagres em condições vergonhosas e que deveriam ter mais apoios e disso os media não falam nem apoiam... 

Faculdade | As estatisticas!!

Pois é meus amigos isto anda na boca do mundo mas um amigo meu partilhou este link e eu achei que era um desperdício não vos mostrar!!

Pois é este link tem TODAS as estatisticas de TODOS os curso portanto dêem uma olhadela. Pode ser que vos ajude na escolha da vossa futura faculdade e curso.

Cliquem na imagem!!



E se pudesse escolher só porque gosto?

E se eu pudesse escolher um emprego só porque gosto? O da Temperance Brennan!!

Antropóloga forense. Tudo a ver com engenharias... Not!!

Mas vendo bem essa área reúne todos os meus interesses. TODOS! Eu sempre quis ir para historia mas também queria algo ligado à saúde mas nada que envolvesse carne humana. Adoro todo o santo ossinho que nós temos no corpo. God e vim para engenharia ahaha.
Mas pronto não há medias, não estamos nos states e o curso tem disciplinas a que sou uma treta. Mas fica o interesse... 



Sejam inteligentes nas vossas escolhas




Já não sou nova mas andanças que é a faculdade e ontem que tanto se falou em privadas vs públicas lembrei me de erros que ja vi muita gente fazer. (sim, eu tive a "sorte"  de ter dois colegas de grupo que a meio do ano e a meio do trabalho acharam que queriam outra coisa)


  • Não escolham o curso baseando-se numa universidade.  Há aquelas pessoas que sempre sonharam estudar naquela faculdade mas chega a altura e nenhum curso é o perfeito. Não insistam vejam outras faculdades porque estar a suportar um curso por causa da universidade não dá bom resultado.  Arrependem se depois mudam as vezes há que repetir exames e passar por tudo outra vez.
  • Não descartem as privadas e os politécnicos. Não sejam preconceituosos porque há muita maneira há privadas exemplares para cada tipo de cursos e até os politécnicos conseguem ter um bom leque de oportunidades.
  • Não digam que querem ir para uma faculdade porque outra é mais complicada e exige mais trabalho. Porque raio já que vão estudar imenso não se matam pela qualidade superior? Não entendo. Eu não me contentaria com menos do que posso ter. Por isso é que a fama das privadas é tão má, porque os alunos que vão para lá nem sempre vão com o intuito de honrar a faculdade.
  • Não entrem numa faculdade se só vão beber e fingir que estudam porque a ocupar essa vaga estão destruir o sonho de alguém. Tirem o ano vivam esse ano sem responsabilidade e depois honrem a vossa faculdade e o dinheiro dos vossos pais. Depois podem prescrever e quando acordam da festa não podem frequentar a faculdade onde se inscreveram e tem de esperar  anos e é uma confusão desgraçada.
Independentemente de que universidade escolham o método passa sempre por:

Restringir às áreas que gostam.
Verem o tipo de curso que tem.
Reduzam a uma listinha de opções.
Vejam o programa e comprarem-no entre faculdades.
Conheçam as faculdades e o seu peso para o vosso mercado de trabalho para terem a certeza que a faculdade é a certa para o vosso curso. 
Façam as contas sobre se compensa ficar perto ou ir para mais longe de casa.
Vejam a empregabilidade e o que o pais suporta. 

Não interessa se é a escolha certa ou não para os outros mas tem de ser a vossa escolha e com bons motivos... 

A minha técnica de poupança!


Eu sinto-me super mal se não souber que estou a por de lado quer para eventuais gastos meus quer porque gosto de ter algum de lado para emergências.  É impensável para mim por todos os mes x de lado não consigo. Esqueço-me perco a noção de se já pus ou não no mealheiro.
Até que cheguei à conclusão que a minha técnica não precisava de ser assim eficiente precisava de ser rotineira. Criar um habito para a vida.

Agora tenho uma caixinha no meu quarto que uso para por as moedinhas mais rechunchudas que andam à solta no mealheiro.  Vai um euro quando posso, noutro dias 50 cêntimos... e nesta brincadeira é bem facil por lá mais do que 10  a 15 euros por mês sem me aperceber que estou a dar esse dinheiro. É como que naquelas gastos como o café diário ou a garrafinha de agua. São tão pouco que nem vemos que estamos a pagar fortunas ao final de tanto tempo.

Parece que não tem fim...




E depois do excelente semestre passado que tive este não podia ser mais o oposto. Ou o professor faz um teste para lixar ou eu faço porcaria quando sei aquela coisa de trás para a frente ou simplesmente não tive tempo para estudar o que é preciso. Este semestre parece não ter fim. Está inaugurada e época das repescagens é que vão ser duas semanas seguidas de puro sufoco. Tenho de parar de me vitaminizar comigo mesma ou isto vai correr mal!

A maternidade e a empresas.


Eu gosto bastante de ter nascido mulher com todos os inconvenientes que isso tem, e que não são poucos. Não fazemos xixi em pé, temos o período, temos dores, mudanças de humor e a 3º guerra mundial versão hormonas. Somos mães, donas de casa e mulheres e conseguimos fazer um excelente trabalho. 

Eu adorava um dia ser mãe mas as vezes olho para as noticias e vejo coisas como: Mulheres são obrigadas a garantir em contratos que não vão engravidar durante um certo tempo. Deixa-me frustrada porque começo logo a fazer contas. Ora faculdade 21/22 anos (se correr tudo bem) mais mestrado, soma lá mais 2 ou 3... ora arranjar ou não arranjar emprego 25... e depois pendem-nos o que? Ah e tal agora esperas mais 5 anos até ser mãe se queres emprego.

Qual é a lógica disto num pais em que a natalidade esta a cair a pico e temos uma população envelhecida. Não é preciso ser muito inteligente para perceber que a natalidade é um investimento bem lucrativo a longo-médio prazo. Mas o problema está exactamente ai, no lucro, pois todo o lucro que não é imediato é desconsiderado. 

É necessário reequilibrar a população activa do pais para garantir a reforma dos que aqui estão agora. População activa = produtividade = melhor economia. Alguém está a ser mal ensinar mal os alunos nas faculdades de gestão e de economia. 

Mas enquanto a mentalidade não muda que hipóteses tem a mulher se quer ser mãe e quer ter liberdade financeira? Nenhum... espera. Que liberdade é que há nisso, adiar a nossa vida.
Porque os tempos não estão para alguém atirar a toalha ao chão e dizer eu quero ser mãe e pronto. Porque empregos não caem do céu e depois perde-se um ou dois anos de emprego e depois já estás velha. Já não tens valor para uma empresa.

E se juntarmos a isto o facto de as mulheres serem postas na rua se em certas empresas engravidarem ou simplesmente receberem menos que os homens. Porque, apesar de ser cada vez mais raro, ainda acontece. 


A precisar de férias...




Sabem aquela sensação de o cérebro tão cheio mas tão cheio que tudo aquilo que preciso saber e fazer não entra por mais que nos esforcemos? Estou assim... em vésperas dum teste não é nada bom! Nada mesmo. Este ano só estou a fazer porcaria quando sei que consigo fazer tão melhor. Não que cadeiras estejam em risco mas que acho que vou terminar com notas menos bonitas do que o que esperava, acho! E não gosto dessa sensação.

Há pessoas que são a vergonha da humanidade...




Corre pela Internet a historia duma menina, Victoria, de 3 anos que foi atacada por 3 pitbulls que lhe deixaram a cara desfeita. A menina sobreviveu mas ficou infelizmente com a cara marcada. Há acidentes que acontecem e como sabemos há animais mais agressivos mas o que os torna numa arma é a incapacidade dos donos e não a sua raça. O que ainda consegue ser mais triste do que o facto dos cães não estarem bem educados foi o animal da cadeia de fast food  KFC.

Esta menina estava a almoçar com a avó quando foi, basicamente, mandada para a rua por um dos empregados da KFC por estar marcada na cara, porque incomodava os clientes. Não sei o que é pior se é alguém se queixar (não sei se foi) ou se foi o empregado quer de vontade própria quer a pedido de alguém ter expulsado a menina com base na sua aparência. Não sei quem é o animal que faz isto a uma pessoa quando mais a uma menina que nitidamente percebeu o porque de ter de sair dali e que não se sente confiante no aspecto porque as pessoas não capazes de se calarem e são maldosas. Isto é muito, muito triste!! 

Estas situações afectam-me particularmente por motivos pessoais. Uma pessoa que me é muito querida, infelizmente, numa operação ficou desfigurada. Essa pessoa ao longo dos anos foi alvo de oh's e uh's e comentários maldosos. Isto não é de seres humanos. Compreendo as crianças porque vêm algo que não é normal agora adultos? 

Portanto só vos digo se se olharem ao espelho e não se acharem bonitas porque estão gordas, magras, altas, baixas, com demasiado rabo, mamas ou a menos. Pensem de novo e pensem na sorte que tem. Porque há gente muito pior e que só quer ter a chance de ser olhada de igual e com o respeito que merecem porque já passaram por coisas a mais. 

Quando a essa pessoa que me é querida só lhe quero dizer que a amo muito é a mulher que mais admiro neste mundo e que é linda todos os dias. Obrigada por seres a melhor avó do mundo!

Desculpem, estava sensível xD


Foto da menina em causa.

Isto é um crime, meus amigos!


Acho quem que alguém veja isto e faça alguma coisa porque este desrespeito por uma nação não se faz! Isto ultrapassa tudo o que é aceitável no desporto. Num pais em crise ditado pelas leis alemãs do curte e costura isto é inadmissível! 

Eu não caibo em mim de tanto descontentamento. 

De vos poder dizer...




Eu gostava de vos poder dizer que eu ia ter uma semana folgada sem grandes stresses mas como eu estou tão enganada. Afinal esta e a próxima semana vão se revelar um pânico gigante.
Não sei como arranjar motivação para estes dias e ser produtiva. Eu ando com o lema de que prefiro fazer menos horas de estudo mas ser produtiva mas sinceramente não consigo arranjar força. Tenho um testes que vai ser a coisa mais random de sempre e tenho outro que simplesmente não sei nada de nada e é daqueles mesmo complicados. E sem tempo para meter tudo em ordem. Ai esta minha vida. E que ando a precisar é de esvaziar o cérebro e encher o armário.

Ela que veio a portugal


Eu sou extremamente selectiva em relação à musica gosto dela com alma e quando ela é para vender e estritamente comercial mete-me um certo desprezo. Sinto isto em relação a ela. Acho que é só fogo de vista, vontade de ser falada e vontade de aumentar a conta bancária. Sinceramente ela vir ou não vir não me diz nada, acho que quem veio de meio mundo para a ver era gente que não sabia que fazer ao dinheiro. Não acho que seja musica ou arte. Acho que uma moça que até canta bem está a explorar a sua integridade física e a insultar mil gente não é nada. E vi crianças lá que deviam era estar na caminha se os pais tivessem juízo. Tudo aquilo que ela tem feito nas turnés, já passou a rebeldia... agora é só falta de respeito por ela e pelos outros.

Aqui está um belo exemplo de talento desperdiçado. Não ponho em causa o quão talentosa ela é porque isso são gosto e eu reconheço que ela tem talento. Agora a forma como ela o usa isso já é questionável. Estas modas hoje, não as entendo. Lamento se gostam dela ou se lá tiveram mas com todo o respeito não gosto disto a que ela chama de espectáculo ou personalidade. Tenho dito!

Desta nossa selecção


Roubada ao blog da Helena (Wanderlust)

Que jogo ridículo. Não me vou por com rodeios nem defender a derrota porque acho que aqui não se jogou para ganhar. O ritmo de jogo foi péssimo, eles tropeçavam nos pés um dos outros, o jogo não foi fluido...
Estes meninos que são do melhor que há tem de se portar de acordo com as suas capacidades, somos um povo do passar à rasca só fazemos grandes jogos quando é ali mesmo no limite e isso irrita.
A arbitragem foi uma vergonha mas não nos fez perder, quanto muito desanimou o jogadores com aquele penalti que nem sei se era penalti mas pelo menos era menos penalti do que aquele que devia ter sido marcado para nós. Notou-se claramente preferência pelos alemães.

Agora há mais jogos, temos é de mostrar aquilo que valem.

Imagines Dragons




Eu adoro Imagine Dragons à imenso tempo, poucos meses depois de sair o night visions. Passei a minha primeira época de exames (Dezembro de 2012) a ouvir esse álbum over and over again. Queria tanto nessa altura comprar bilhete para o TMN ao vivo mas infelizmente não pude. Entretanto já cá estiveram mais outra vez e vão agora cá de estar de novo. Ainda me lembro da excitação de quando comecei no youtube os anúncios da vodafone com o "On top of the world".
Eu sou um bocadinho contra tudo aquilo que toda a gente gosta e explora portanto acabo por não ir a concerto porque tenho medo de não aproveitar o que deveria. Até lá fico com a musica no meu pc e ouço quando quero ou preciso. Foi acompanhada com esta musica que passei a grandes cadeirões.

Genealogia..




Sou-vos sincera adoro saber tudo sobre a minha familia a actual e a passada. Mantenho um registo de tudo aquilo que as minhas avós se lembram. Um dia gostava de pegar em tudo aquilo que tenho e ir mesmo as certidões de nascimento e ter mesmo as datas e os nomes completos de toda a gente.

Eu até que sou uma moça prendada.




Pois é meninas eu bem disse que ia tentar comer mais vegetais certo? vai ser o meu desafio de verão aprender a gostar deles e inserir coisas simples como espinafres, brócolos, beringelas... sei lá em pratos que gosto de comer.
Eu não tenho jeito nenhum para inventar coisas (vá, do nada) ando a caçar receitas do blog da Ana Teles, da Marisa Valadas e de todos os  chefs que admiro (Henrique Sá Pessoa, Jamie Oliver, Nigella...). Ao longo dessa caça vou construir um livrinho de receitas para esta tentativa e por casa receita bem sucedida partilho aqui com vocês. Porque muita gente me disse que até que gostava de experimentar mas que não tem tempo ou sabe onde procurar. Em cada receita disponibilizarei o link do blog/site ou nome do livro de onde a tirei.

Coisas do mundial

Os nossos amigos brasileiros durante este mes estão curridinhos de estrangueira e nada melhor do que começar a traduzir tudo... mas eles não tem jeito nenhum para a coisa!! xD
Eu ri tanto mas tanto mas tanto.



















Ultimo dia!!


Hoje é o meu ultimo dia na sociedade secreta. Toca a custar o blog e a seguir para lerem o que as outras meninas já disseram e o que as novas agentes que estão para vir.

Há novo post desta vez inspirado numa frase ^^ cliquem na imagem para lerem. O HTML do blog está uma confusão blogger ai ai demoro horas a achar o que quero!!

Faculdade | O que são créditos?




Uma amiga minha que vai agora entrar para a faculdade perguntou-me: O que são os créditos e para que servem? E eu achei que era uma boa pergunta e que nem toda a gente está familiarizada com este termo e queria falar dele aqui.

O créditos são um medidor de esforço da cadeira, mas não necessariamente mais difícil.
Uma cadeira A que tem mais projectos e entregas semanais tem mais esforço do que uma cadeira B, que tem apenas 2 testes ao longo do semestre, o que faz com que a cadeira A tenha mais créditos que a cadeira B. Quando forem a fazer os testes da B até a podem achar mais difícil que a A.

A cada cadeira feita acumulamos créditos que reflectem as nossas competências. Por exemplo se o curso tem quase 200 créditos e tu estás apenas com 20 significa que ainda não progrediste muito no curso. Por exemplo, tens prazos para atingires dados créditos como para não prescreverem, para começares o mestrado, para seres considerado de dado ano...

Os créditos também são uma forma de construir a nossa media. Isto é se tens um 20 numa cadeira de 3 créditos não tem o mesmo impacto na media do que uma cadeira de 8 créditos. A de 8 créditos faz uma diferença maior,é mais vantajosa.

Esta é uma das unidades de medidas na faculdade e muitas das vezes não podemos comprar entre faculdades porque há diferentes ranges. O que numa faculdade é 8 créditos noutras é 6, a mesma matéria se for preciso.

Espero ter ajudado, qualquer coisa já sabem!!

Update




Boas tardes, há novo post na sociedade secreta. Desta vez um post de opinião vão lá dar uma espreitadela.

Aproveito também para vos dizer que estou a escrever um post sobre uma pergunta que uma amiga minha me fez sobre a faculdade portanto se este é o vosso ano acho mesmo que pode ser util. Caso queiram ler mais alguma coisinha usem a label Faculdade

Para todas as meninas que não gostam de verduras como eu e que  pediram receitas das minhas invenções culinárias eu agora não tenho tempo nenhum por causa de exames mas assim que terminar criou uma nova pagina com receitas e imagens que vou colocando no instagram. Eu não respondi aos comentários mas não estão esquecidos!!!

Dramas de Universitária




Quando um professor elogia trabalhos e os coloca como fasquia para o resto da turma, é perfeitamente normal. O que não é nada normal é quando essa trabalho é avaliado e recebe uma nota miserável, dada por esse mesmo professor, e notas as notas são igualmente (mas mais um bocadinho) miseráveis. Para quê isto? Se não correspondia as expectativas porque não dizer? Porque fingir que acha que está perfeito? Isto sim tira-me do sério. Porque acredito que as professores devem puxar por nós até ao melhor que consigamos fazer. Logo em cadeiras que tem tantos créditos e que me podiam ajudar mesmo a subir a média. Ai!

Eu sou louca está visto!!




Quem é que como eu é louca a fim de aceitar tomar conta de 2 blogs, o face e o insta em vésperas de um teste? Ninguém só mesmo eu e esta minha mania de fugir com rabo à seringa e porque adoro escrever aqui. Ai ai e hoje que me mate a estudar.
Eu sei que tenho comentários em atraso e eu prometo que depois do teste vou responder a todos. Muito obrigada por continuarem a cá passar e esta semana na Sociedade Secreta mesmo eu estando tão ausente.

Por falar na sociedade secreta há novo post desta vez sobre o meu lado lamechas em relação à musica. Passem por lá :D

P.S. Não liguem se o raio dos videos num lado apareceram aos lado esquerdo e no outro ao centro. É apenas o blogger a querer tirar-me do sério!

Já dei as minhas cartas...




Já dei as minhas cartas nos trabalhos teóricos e sinceramente os que recebi até posso dizer que estão bastante bons. Ainda falta receber outros, vamos a ver. Espero mesmo igual nas teóricas e superar as minhas expectativas para este semestre visto que de uma cadeira já desisti.

Reconhecimento ou Exploração? As vezes confundo-me!


Sou blogger à 6 anos. Comecei aqui antes de tudo isto ter o peso que tem na sociedade. Vi e vivi cada evolução e crescimento da blogosfera e sinto-a como se fosse a minha casa e um dos sítios onde sou feliz.

E como tal incomoda-me todo o apartado recente em volta da blogosfera e dos novos bloggers que tem surgido. Ultimamente e cada vez mais, as figuras publicas usam este canto como mais uma rede social para falar sobre si e sobre o seu suposto dia à dia quando na verdade não passa de mais uma exploração mediática da sua imagem, parcerias, forma de ganhar dinheiro, forma de não se esquecerem deles e com equipas de escrita. Isso não é essência deste mundo. 

Não sou nada contra o reconhecimento do trabalho que as pessoas fazem aqui e que fiquem "famosas por isto" porque se fazem um bom trabalho porque não ser reconhecidas? Incomoda-me é ver o contrario o sucesso é resultado do já serem famosas. E a imagem que passa de nós é a que eles dão. Quando isso é só 10% do que aqui fazemos.

Adoro iniciativas que juntem bloggers que façam com que o que fazemos chegue a mais gente e façamos aumentar este núcleo mas acho que isso só vai trazer bloggers que querem fama facil e que acham que isto não dá trabalho nenhum e que é só facilidades e rosas e passarinhos.

Anos atrás...




Há dois anos atrás...

Estava a terminar o meu 12º, farta... farta... do secundário. Sem me identificar com nada e com uma vontade enorme de dar o passo seguinte e encontrar pessoas com quem me identificasse mais. Estava a ter a certeza que era esta a faculdade e curso que queria. Estava a lutar para ter nota para ir a exame. Estava a lutar para terminar um ciclo sem lá ficar outro ano a fazer média. Estava a lutar para que chegasse a nota.

Há um ano atrás...

Estava nos meus primeiros meses de namoro, estava encantada com a minha faculdade, a começar a minha segunda época de exames. A lutar para passar àquela cadeira que poucos passam à primeira, e eu fui uma dessas pessoas.

Ainda me lembro disto tudo como se fosse ontem...

Há males que vem por bem...


Ao longo deste e do Câmara "queixei-me" que o tempo que estive no outro curso não foi o melhor e que se já achava que este onde estou era melhor para mim tanta confusão só me fez querer sair dali e fugir de toda aquela situação horrível.

Mas há males que vem por bem!

O porquê deste meu texto: aqui.

P.S. Mesmo estando esta semana a escrever em dois blogs planeio também aqui escrever textos só deste blog. Porque esta é a minha casa!!